ONU: Obama pode ter cometido crime de guerra


"Esse acontecimento profundamente chocante será investigado de forma imediata, profunda e independente, e os resultados devem ser divulgados ao público", disse o chefe de Direitos Humanos da ONU, Zeid Ra'ad al Hussein; "A gravidade do incidente é agravada pelo fato de que, se for considerado intencional pela Justiça, um ataque a um hospital pode ser considerado um crime de guerra"; exército americano bombardeou hospital dos Médicos sem Fronteiras; presidente Barack Obama ainda não se pronunciou

Brasil 247

O ataque intencional das forças armadas americanas a um hospital do grupo humanitário Médicos sem Fronteiras, no Afeganistão, desperta uma onda global de indignação.
 
Segundo a MSF, o ataque deixou 19 mortos – sendo 12 membros da ONG, 4 pacientes adultos e 3 crianças – e 37 feridos. 

"Esse acontecimento profundamente chocante será investigado de forma imediata, profunda e independente, e os resultados devem ser divulgados ao público", disse o chefe de Direitos Humanos da ONU, Zeid Ra'ad al Hussein. "A gravidade do incidente é agravada pelo fato de que, se for considerado intencional pela Justiça, um ataque a um hospital pode ser considerado um crime de guerra."

Leia, aqui, reportagem da Reuters."
Via Google Plus

About Antonio Ferreira Nogueira Jr.

Contato- nogueirajr@folha.com.br
Revista- WMB

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 Comentários: