“Que haja uma corrida armamentista”, diz Trump


Reuters -

O presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, após pedidos de esclarecimento por publicação na quinta-feira no Twitter sobre armas nucleares, disse: "Que haja uma corrida armamentista", pois os EUA a venceriam, informou a rede MSNBC nesta sexta-feira.

Trump causou alarme entre especialistas em não-proliferação na quinta-feira com uma postagem no Twitter em que disse que os EUA "têm de fortalecer e expandir enormemente suas capacidades nucleares até o momento que o mundo caia em si no que diz respeito a armas nucleares".

A MSNBC conversou com Trump por telefone e o indagou se ele poderia dar mais detalhes de sua mensagem no Twitter. De acordo com a emissora, a resposta foi: "Deixe que haja uma corrida armamentista. Iremos ser superiores em cada passagem e superá-los todos."

As ações de empresas produtoras de urânio e de uma companhia de tecnologia em combustível nuclear subiram por causa dos comentários de Trump.

Não estava claro o que levou o presidente eleito, que toma posse em 20 de janeiro, a fazer os comentários na rede social na quinta, mas a publicação vem no mesmo dia que o presidente da Rússia, Vladimir Putin, disse que seu país precisa impulsionar suas forças nucleares.
Via Google Plus

About Antonio Ferreira Nogueira Jr.

Contato- nogueirajr@folha.com.br
Revista- WMB

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 Comentários: